sábado, 26 de abril de 2014

Fome e Sede da Palavra de Deus

A humanidade está vivendo uma das piores épocas da sua história, tendo em vista a abstinência espiritual da Palavra de Deus, embora os meios de comunicações como o rádio, televisor e em especial a rede mundial de internet, estejam a todo vapor divulgando o Evangelho da salvação. É como se o homem estivesse com os sentidos privados de receber o que há de melhor vindo do Reino dos Céus.
Amós 8:11
Eis que vêm os dias, diz o Senhor Deus, em que enviarei fome sobre a terra; não fome de pão, nem sede de água, mas de ouvir as palavras do Senhor.
I - Introdução

A humanidade está vivendo uma das piores épocas da sua história, tendo em vista a abstinência espiritual da Palavra de Deus, embora os meios de comunicações como o rádio, televisor e em especial a rede mundial de internet, estejam a todo vapor divulgando o Evangelho da salvação. É como se o homem estivesse com os sentidos privados de receber o que há de melhor vindo do Reino dos Céus. Nunca se ouviu falar em tantas Igrejas Evangélicas, a cada dia surge mais uma para que ninguém tenha desculpas no dia do Juízo Final, e contraditoriamente a raça humana perece sentindo “Fome e Sede da Palavra de Deus”, todavia o deus deste século segou o entendimento das pessoas para que elas não creiam em Jesus Cristo.
II Aos Coríntios 4:4
Nos quais o deus deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, o qual é a imagem de Deus.
Quanto maior a ignorância melhor para o diabo e as suas legiões que têm o propósito de condenar todos os seres humanos instigando ira de Deus porque os anjos maquiavélicos não podendo de lutar conta o Criador de todas as coisas tem o desejo ardente de condenar a coroa da criação, que é o homem. No entanto, isso tem acontecido porque as pessoas deixaram de crê em Deus para seguir uma religiosidade humana e até mesmo crendices que o diabo impõe na mente dos que não recebem a Jesus como único salvador.

II – Jesus Sacia o Espírito do Homem

 João 6:35
Declarou-lhes Jesus. Eu sou o pão da vida; aquele que vem a mim, de modo algum terá fome, e quem crê em mim jamais terá sede.
Todo homem sente a necessidade de Jesus Cristo porque somente Ele é quem supre as carências matérias e espirituais da criatura humana. A Bíblia Sagrada nos dar autoridade de afirmar que a humanidade sente sede e fome espiritual, todavia uns despertam para Deus, e a maior parte vivem como se o Senhor não existisse, chegando ao ponto de nunca descobrirem o amor eterno de Jesus Cristo. Em um período da minha adolescência cheguei a ver o primeiro circo que fez diversas apresentações no bairro que morava. O que mais me chamou a atenção foi ver outros adolescentes na minha idade que possuía grandes habilidades no picadeiro e com animais ferozes. Para mim, eles eram super jovens, pensei até que eles haviam sido enviados de outro planeta. Com isso passei a visitar o povo circense nos bastidores e percebi que eram apenas mortais que desenvolveram uma destreza diferente de outras pessoas, e ao mesmo tempo vi que a vida cigana desencadeava a falta de pão material e uma promiscuidade desordenada e abominável aos olhos de Deus.Com esse exemplo da quero apenas enfatizar que o homem desligado da Palavra de Deus sofre consequências drásticas, embora tenha aptidões sobre humana, em todos os casos ficam fragilizados diante o menor obstáculo que a vida a presente. No entanto aqueles que são dirigidos pelo Espírito Santo de Deus, prosperam com facilidade, e ainda que se apresentem sem um poder aquisitivo diante os ricos da sociedade; em todos os casos os servos de Jesus Cristo são felizes e encontram uma saída para todos os problemas porque recebem dádiva espiritual da parte de Deus e não conhecem a fome e sede material ou na alma. O Salmista deu testemunho do que estou escrevendo:
Salmo 37:25
Fui moço, e agora sou velho; mas nunca vi desamparado o justo, nem a sua descendência a mendigar o pão.

III – Fome e Sede de Justiça
Mateus 5:6
Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça porque eles serão fartos.
O Senhor Jesus Cristo quando testemunhava no Sermão do Monte na quarta Bem Aventurança deixou forte consolo aos que desejam serem alcançados pela Graça Divinal. Para a palavra Justiça em meio a um compêndio de definições encontramos pelo menos dois sentidos básicos:

1) Justiça imputada ou justificação: o ato de Deus pelo qual ele nos liberta da culpa do pecado e nos declara justos em virtude da obra redentora de Cristo.
II Aos Tessalonicenses 2:13
Mas nós devemos sempre dar graças a Deus por vós, irmãos, amados do Senhor, porque Deus vos escolheu desde o princípio para a santificação do espírito e a fé na verdade.
2) Justiça ética (santificação): conduta íntegra de conformidade com a lei de Deus e que agrada a Deus. Devemos definir o significado da palavra justiça dentro do contexto em que a mesma é usada. Sabendo que a santificação é um processo de aperfeiçoamento que o salvo se aprimora durante o período de vida, chegando ao ápice quando se parte do mundo material para o espiritual que acontece logo após a morte biológica ou atreves do arrebatamento da Igreja que será um evento singular de Jesus Cristo para tomar os salvos.
I Aos Coríntios 6:11
E tais fostes alguns de vós; mas fostes lavados, mas fostes santificados, mas fostes justificados em nome do Senhor Jesus Cristo e no Espírito do nosso Deus.
Além das duas definições básicas que vimos acima entramos um grande número de pessoas que foram molestadas por um inconveniente vindo da parte daqueles que tem o prazer de prejudicar a outrem. Normalmente sofrem perseguição, injuria, injustiça; de modo que esperam uma resposta de Deus para que a justiça aconteça de alguma forma tirando-os no fundo do poço. Os que sofrem fome e sede de justiça são porque todos os recursos humanos foram esgotados, aonde nenhum advogado, juiz, medico, parente e melhor amigo não tem condição de resolver. Então começa o trabalhar de Deus para que o homem perceba que Ele é Soberano sobre todas as coisas. Tem um pensamento que diz: “O fim das forças humanas é o começo do poder de Deus”.

Quantas pessoas ao longo da história do homem na face da terra chegaram ao ponto de desistir de viver, então Jesus Cristo mudou o rumo de derrota para uma grande vitória porque no fundo do coração eles sentiram fome e sede de Justiça e acreditaram que o Senhor faria algo para mudar o quadro mórbido em que enfrentavam naquele momento. Deus nunca desistiu o homem, apenas alguns ainda não despertaram para as benesses que Ele entrega aos que crêem em seu precioso nome.

IV – Epílogo

A fome e sede são necessidades básicas de todo ser humano na face da terra, porque todos precisam se alimentar e bebe água para que o corpo biológico não venha a perecer. Todavia a fome e sede espiritual vão além do entendimento carnal, porque temos espírito e alma que precisam ser mantidos por um mundo espiritual que tem a sua fonte na Bíblia Sagrada, iniciando com a leitura e pondo em pratica todos os ensinamentos de Deus. Notoriamente a Bíblia fechada é apenas um livro, mas aberta é a boca de Deus falando e saciando todas as carências que o homem sofre que seja na esfera biológica ou espiritual.

Vejamos agora no último Livro do Novo Testamento, em Apocalipse:
 Apocalipse 7:16
Nunca mais terão fome, nunca mais terão sede; nem cairá sobre eles o sol, nem calor algum.

Published by: missaonova@uol.com.br on Nov 25, 2008
http://pt.scribd.com/doc/8386845/Fome-e-Sede-da-Palavra-de-Deus

Nenhum comentário:

Postar um comentário